Robótica educativa en la escuela primaria: el proceso de implementación y evaluación en una escuela pública

Autores/as

DOI:

https://doi.org/10.17398/1695-288X.19.2.155

Palabras clave:

Tecnologías Digitales, Robótica, Educación, Prácticas Pedagógicas, Educación Primaria

Resumen

Entre las posibilidades de utilizar las Tecnologías de la Información y la Comunicación Digitales en la educación, la Robótica Educativa ha ido ganando espacio, especialmente al favorecer la enseñanza interdisciplinar y contextualizada con la realidad. Sin embargo, la mayoría de las experiencias reportadas describen talleres de duración limitada, sin continuar con las actividades desarrolladas. Este artículo presenta cómo una escuela pública municipal brasileña, que ofrece la primera etapa de Educación Primaria, pionera en su municipio en implementar la Robótica Educativa, siguió los caminos para consolidar este trabajo que se viene realizando desde 2015 en una perspectiva de continuidad y progresión de contenidos, y como práctica integrada a su Proyecto Político Pedagógico. También se presentan los datos obtenidos en una entrevista no directiva con el instructor responsable de las clases de Robótica y cuestionarios semiestructurados aplicados a profesores y responsables de alumnos, con el fin de evaluar cómo la comunidad escolar ha percibido los impactos de este proyecto. Las conclusiones indican resultados positivos en el aprendizaje de los estudiantes y que las prácticas pedagógicas desarrolladas pueden contribuir, de manera relevante, a diferentes aspectos del desarrollo en una perspectiva integral. Aún así, este estudio puede ayudar a otras escuelas que deseen iniciar actividades con Robótica Educativa.

Biografía del autor/a

  • Márcia Regina Kaminski, Universidad Estatal del Oeste de Paraná - UNIOESTE

    Doutoranda em Educação em Ciências e Educação Matemática pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Cascavel. Mestre em Ensino pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Foz do Iguaçu (2018). Licenciada em Matemática pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Cascavel (2003), Pós Graduada em Ensino da Matemática, com Curso Técnico Em Multimeios Didáticos pelo Instituto Federal do Paraná. Desde 2004 é Instrutora de Informática Educacional - Secretaria Municipal De Educação de Cascavel-PR. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Informática Educacional, atuando e com interesse em pesquisa nos seguintes temas: Sistemas de Numeração e Ensino, Ambientes Virtuais de Aprendizagem, Pensamento Computacional e Robótica Educacional nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, Metodologias Ativas e Inovativas de Ensino. Membro do Grupo de Pesquisa em Tecnologia, Inovação e Ensino - GTIE. Como trabalho complementar, desenvolve projetos de Sustentabilidade na Educação Escolar. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-5705-0322

  • Clodis Boscarioli, Universidad Estatal del Oeste de Paraná - UNIOESTE

    Clodis Boscarioli é Professor Associado na Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Campus de Cascavel, onde atua desde o ano de 2000, no Curso de Ciência da Computação. Docente permanente e orientador no Programa de Pós-graduação em Ciência da Computação (PPGComp) e no Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Educação Matemática (PPGECEM) nível de Mestrado e Doutorado no campus de Cascavel e no Programa de Pós-graduação em Ensino (PPGEn) - nível de Mestrado no campus de Foz do Iguaçu, além de docente colaborador no Programa de Pós-graduação em Tecnologias, Gestão e Sustentabilidade (PPGTGS) também no campus de Foz do Iguaçu. Possui graduação em Informática e especialização em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (1996 e 1999, respectivamente). É Mestre em Informática pela Universidade Federal do Paraná (2002). Doutor em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo (2008), e também especialista em Formulação e Gestão de Políticas Públicas pela Escola de Governo do Paraná em parceria com a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (2008). Criador do Grupo PETComp (Programa de Educação Tutorial em Ciência da Computação) aprovado pela Sesu/MEC em 2010 do qual foi tutor até dez/2016. Suas áreas de interesse envolvem, de forma multidisciplinar, Banco de Dados, Interação Humano-computador, Design Instrucional, Aprendizado Computacional, Data Mining, Sistemas de Informação, Educação Matemática e Tecnologias [Assistivas] no Processo de Ensino-Aprendizagem, além de questões relacionadas ao Ensino de Computação. Líder do GIA (Grupo de Inteligência Aplicada) e do GTIE (Grupo de Pesquisa em Tecnologia, Inovação e Ensino) e pesquisador colaborador no grupo de pesquisa Tecnologias no uso, no ensino e na aprendizagem de línguas estrangeiras, todos da UNIOESTE.

Referencias

Brackmann, C. P. (2017). Desenvolvimento do Pensamento Computacional Através de Atividades Desplugadas na Educação Básica. (Tese de Doutorado) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS. Recuperado de: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/172208. Acesso em: 10 nov. 2020.

Brasil (2007). República Federativa do Brasil. Portaria Normativa Interministerial nº 17, de 24 de Abril de 2007: Institui o Programa Mais Educação. Brasília, DF, Diário Oficial da União, 26 abr, pp. 5-6. Recuperado de: https://bit.ly/2xsyu5S. Acesso em: 09 nov. 2020.

Brasil (2010). República Federativa do Brasil. Decreto nº 7.083, de 27 de janeiro de 2010. Dispõe sobre o Programa Mais Educação. Brasília, DF, Diário Oficial da União, jan. 2010. Recuperado de: https://bit.ly/2K82KdL. Acesso em: 09 nov. 2020.

Brasil (2014). República Federativa do Brasil. Manual Operacional de Educação Integral. Brasília, DF, 2014. Recuperado de: https://bit.ly/2zmVtki. Acesso em: 07 nov. 2020.

Carvalho, F. S. D; Cunha, S. L. D. & Ramalho, D. (2014). Robótica PESC: aprender e construir. São Paulo: Sistech Tecnologia Educacional.

Castilho, M.I & Fagundes, L. (2020). Uma aplicação da plataforma robótica Jabuti Edu como recurso pedagógico na aprendizagem de física no ensino médio. In: Silva, R. B & Blikstein, P. (Org.), Robótica Educacional - Experiências Inovadoras na Educação Brasileira, (n.p). São Paulo: Penso.

César, D. R. (2009). Potencialidades e Limites da Robótica Pedagógica Livre no processo de (re)construção de conceitos científico-tecnológicos a partir do desenvolvimento de artefatos robóticos. (Dissertação de Mestrado) - Universidade Federal da Bahia, Salvador, BA. Recuperado de: https://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/16044. Acesso em: 06 nov. 2020.

Cuch, L. R. & Medeiros, L. F. (2017). Robótica Educacional Como Recurso Pedagógico Para Alunos De Baixo Rendimento: Relato De Experiência. Anais do IV Seminário Internacional de Representações Sociais, Subjetividade e Educação - SIRSSE (pp. 19471-19482). Mérida: México.

Dual System (Santa Catarina). ©2018. Atto - Um recurso, infinitas soluções: Matemática 1º ao 5º Ano. São José: Dual System.

Fernández-Vivas, L., & López-Sáez, J. M. (2019). Integración de la robótica educativa em Educación Primaria. Revista Latinoamericana de Tecnología Educativa (RELATEC), 18(1), 107-129. doi: https://dex.medra.org/10.17398/1695-288X.18.1.107. Recuperado de: https://relatec.unex.es/article/view/3371/2346. Acesso em 07 nov. 2020.

Santana, A, L. M & Raabe, A. (2020). Uma revisão sistemática do uso de brinquedos de programar e kits robóticos: pensamento computacional com crianças de 3 a 6 anos. In: Silva, R. B & Blikstein, P. (Org.), Robótica Educacional - Experiências Inovadoras na Educação Brasileira, (n.p). São Paulo: Penso.

Santos, R., Sousa, B., Raiol, A., Cerqueira, P., & Bezerra, F. (2019). Uma Proposta de Método de Ensino e Relatos de Experiências com a Robótica Educacional. Anais do XXVII Workshop sobre Educação em Computação, (pp. 111-120). Porto Alegre: SBC. doi:10.5753/wei.2019.6622

Silva, A. F. D (2009). RoboEduc: uma metodologia de aprendizado com robótica educacional. (Tese de Doutorado) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal, RN. Recuperado de: http://livros01.livrosgratis.com.br/cp115615.pdf. Acesso em: 06 nov. 2020.

Silva, R. B & Blikstein, P. (2020). Robótica Educacional - Experiências Inovadoras na Educação Brasileira. In: Silva, R. B & Blikstein, P. (Org.), Robótica Educacional - Experiências Inovadoras na Educação Brasileira - Prefácio (n.p). São Paulo: Penso.

Szeuczuk, A. (2020). Relato de experiência sobre a implementação do projeto robótica educacional em uma escola rural. In: Silva, R. B & Blikstein, P. (Org.), Robótica Educacional - Experiências Inovadoras na Educação Brasileira, (n.p). São Paulo: Penso.

Zilli, S. R. (2004). A Robótica Educacional No Ensino Fundamental: Perspectivas e Prática. (Dissertação de Mestrado) - Universidade Federal de Santa Catariana - Florianópolis, SC. Disponível em: goo.gl/tNYKeo. Acesso em: 06 nov. 2020.

Publicado

2020-12-13

Número

Sección

Artículos / Articles

Cómo citar

Robótica educativa en la escuela primaria: el proceso de implementación y evaluación en una escuela pública. (2020). Revista Latinoamericana De Tecnología Educativa - RELATEC, 19(2), 155-171. https://doi.org/10.17398/1695-288X.19.2.155

Artículos similares

1-10 de 171

También puede Iniciar una búsqueda de similitud avanzada para este artículo.

Artículos más leídos del mismo autor/a

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >>